Número total de visualizações de página

quinta-feira, 3 de novembro de 2011

O DESPERTAR DO MONSTRO CHINÊS






A grande muralha: protegeu-os da invasão mas não os impede de invadir...




Napoleão Bonaparte era um louco que sonhou dominar pelas armas a Europa e  talvez nos seus pensamentos até tentar dominar o mundo.
Era louco mas não era burro...
Era alem de estratega militar um visionário... 
A ele é atribuida a frase: (quando a china despertar, o mundo tremerá.)

Muitos de nós fomos ao longo da vida criados a pensar que
o despertar do dragão chinês adormecido, nos traria uma guerra da qual o ocidente saíria fatalmente vencido, dado o numero impressionante de combatentes possíveis de  recrutar entre o povo chines...
Foram feitos filmes teorizando diversas visões sobre o que seria
do mundo dominado pela força das armas chinesas.

O que nesse tempo ainda não muito distante, poucos pensariam
é que a china se transformaria numa potência económica e industrial passando de um estado totalmente marxista comunista a um estado capitalista disfarçado, que acabaria
por disponibilizar dinheiro às paletes para mitigar a falta
de capital de que o ocidente precisaria...

Não sei se existirá neste momento algum país no mundo que
não esteja a usufruir de empréstimos chineses, o que torna
as democracias ocidentais cegas surdas e mudas aos direitos
humanos constantemente atropelados pelos seguidores do
Sr. Mao tse tung...
E se os, ainda poderosos, lideres do mundo livre se atrevem
a falar dos direitos humanos na China, fazem-no de tal forma
em surdina que ninguém os ouve...

Ora notícias recentes dão como certa a disponibilidade do
governo chinês para ajudar a Europa com um fundo financeiro
de tal grandeza que pônha a Europa a viver novamente com
um desafogo que fará esquecer as asneiras cometidas na ansia
de ganharem dinheiro fácil em especulações financeiras que
colocaram o ocidente de cócuras...
E quando aceitarem essa ajuda que moralidade terão os paladinos da democracia e das liberdades em morder a mão
que lhes foi estendida?... Isto numa altura em que a China
já é o principal credor dos estados Unidos!...
O monstro acordou e seguiu à risca alguns dos ensinamentos
do Sr. Mao (se não os podes vencer, junta-te a eles...) e tudo isto
sem ser preciso dispararem um tiro que fôsse.

Vai custar-me muito viver num mundo resignado ao pragmatismo do capital e da perda de independência dum
continente que outrora descobriu,  dominou e levou cultura
ao mundo novo desconhecido...
Mas custa-me muito mais saber que os meus netos e bisnetos apenas venham a conhecer a cultura de onde descendem através dos livros que entretanto
alguns mais corajosos não deixem que sejam queimados...
Para onde caminhas Europa?...
Para onde caminhas Portugal?...

Com um abraço e o meu afeto
João Quitério